Testemunho de Allan Tellez Aguilar

Allan Tellez Aguilar é mexicano. Licenciou-se em Direito e começou a trabalhar também para ajudar pessoas de escassos recursos no âmbito jurídico.

«Trabalhei em casos de direito familiar como pensões de alimentos ou subsídios, e aí pude tocar a experiência da dor das pessoas, e também pude experimentar como é importante dar esperança a todas as pessoas».

O esforço que fazem por conseguir reunir fundos, é um esforço que fazem sobretudo diante de Deus e é Ele quem vos pagará e dará mais.

A vocação «foi uma decisão que ao princípio me deu muito medo porque aparentemente era deixar uma profissão, a família, a possibilidade de casar, mas depois, quando tomei esta decisão, sempre com o apoio do Senhor, apercebi-me de que não estava a renunciar a coisa nenhuma, e que, pelo contrário, começava uma aventura da qual não me arrependi um só dia».

Allan está no seu quinto ano de seminário em Roma. «Foram uns anos maravilhosos: conheci seminaristas de todo o mundo e pude ver que realmente a Igreja é universal. Conheci-os no dia-a-dia, quando tínhamos que estudar juntos, quando íamos à Universidade, quando rezávamos, e todos tínhamos dias em que estávamos muito contentes e outros de maior dificuldade, mas o bonito deste Seminário é que nos estamos a apoiar uns aos outros. Tenho um grande respeito pelos meus companheiros da China, do Vietnam, de muitos sítios que, além de tudo, fazem um grande esforço por aprender a língua e por estudar Filosofia e Teologia».

«Estou muito agradecido ao Senhor por me ter chamado a este caminho. Peço-vos as vossas orações. Quero ser um sacerdote santo e peço-vos que continuem a rezar pelo Seminário, o Colégio Sedes Sapientiae, que está aqui em Roma, pela Universidade da Santa Cruz. Todo o esforço que fazem por conseguir reunir fundos é um esforço que fazem sobretudo diante de Deus e é Ele quem vos pagará e vos dará mais».

Allan Tellez Aguilar foi ordenado diácono em Roma no dia 1 de Maio de 2015.